quinta-feira, 22 de março de 2012

Graça!





Abro as asas numa flor
aurora bela,
solene
Um levantar-se perene,
Em Graças ao Criador!



Kiro Menezes



3 comentários:

Arnoldo Pimentel disse...

Simplesmente maravilhosos versos.Beijos

João Ludugero disse...

Kiro,
Seu poetizar
traz a beleza
de ser simples e,
tão solenemente
que nos leva a puxar
as barbas de Deus,
numa brincadeira de
se achar em graças.
Mega abraço.

Malu de Oliveira disse...

Amém!
Olá, quanto tempo. Saudades dos teus versos ... Bem, mas eu tenho que correr sabe como é, o tempo tá escasso.
Quero te deixar um grande abraço.
Até logo.